1º BPM tem novo comandante

Por: Estagiária Thais Lamin, em 15/05/2017


Na manhã desta sexta-feira, 12, foi realizada a passagem de comando do 1º Batalhão de Polícia Militar (BPM), sediado em Itajaí. O comandante, tenente-coronel Ronaldo de Oliveira, passou sua nobre missão ao tenente-coronel Jonathan Cardoso Regis, que agora esta à frente do batalhão.

Na ocasião, esteve presente o comandante-geral da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), coronel Paulo Henrique Hemm, além do comandante da 3ª Região de Polícia Militar (RPM), coronel Claudio Roberto Koglin, e comandantes e policiais militares dos batalhões e companhias da região. Os ex-comandantes do 1º BPM também estiveram presentes na solenidade, recordando os tempos em que comandaram a Unidade. Autoridades civis, imprensa, familiares e amigos também deram um brilho especial ao evento.

Em seu discurso, o comandante-geral da PMSC, coronel Paulo Henrique, agradeceu ao tenente-coronel Ronaldo pela sua dedicação e comprometimento, características ímpar do oficial, desejando a ele e ao novo comandante, tenente-coronel Jonathan, que além de assumir o comando do 1º BPM completa hoje mais um ano de vida, muita sorte e sucesso em suas carreiras.

O comandante que deixou o posto, tenente-coronel Ronaldo de Oliveira, destacou em sua fala a dedicação do tenente-coronel Jonathan no tempo em que esteve no subcomando, demonstrando satisfação ao entregar a ele o comando desta Unidade. O ex-comandante agradeceu também o apoio dos parceiros e colaboradores do 1º BPM, que muito auxiliaram e trouxeram melhorias para o batalhão durante um ano e três meses, tempo em que comandou.

Além da passagem de comando, houve também uma homenagem aos amigos do Batalhão, pessoas que sem medir esforços contribuíram e apoiaram a Unidade durante o tempo de comando. Ao todo, seis pessoas foram homenageadas.

Como tradição, um retrato do ex-comandante foi descerrado e será afixado na galeria de ex-comandantes do 1º BPM. As esposas do tenente-coronel Ronaldo e do tenente-coronel Jonathan receberam um buquê de flores como uma singela forma de agradecimento por ombrearem a missão junto de seus cônjuges.

A banda do 23º Batalhão de Infantaria (BI) do Exército Brasileiro contribuiu para que a solenidade ficasse ainda mais bela.

Ultimas Notícias Institucionais