2ª RPM e prefeitura de Lages firmam convênio para gestão da fiscalização do trânsito

Por: Soldado Ieda Arruda Knoll, em 05/11/2018


Aconteceu na última quinta-feira, 1º, na sede da 2ª Região de Polícia Militar (RPM), a assinatura do termo do termo de convênio PMSCnº: 39982/2018. Assinado pelo prefeito de Lages, Antonio Ceron, e o comandante da 2ª RPM, coronel Moacir Gomes Ribeiro, o documento, com validade até 31 de dezembro de 2020, tem como objetivo a manutenção através de investimentos e custeio do serviço de atendimento e despachos de ocorrência do 190 e videomonitoramento urbano, tornando-se, assim, um importante trabalho em conjunto, que permitirá a integração entre a Polícia Militar e a Diretoria Municipal de Trânsito (Diretran), objetivando a preservação da ordem pública e a gestão e fiscalização do trânsito local.

Nas obrigações, à Polícia Militar cabe destacar policias e/ou agentes temporários, necessários para o atendimento e despacho das ocorrências, além do planejamento, execução e fiscalização por meio do sistema de imagens, bem como manter a central equipada, em condições e com os equipamentos indispensáveis ao serviço. Da mesma forma, disponibilizar espaço físico junto ao prédio da 2ª RPM, destinado aos agentes da Diretran.

Já à prefeitura de Lages, competirá disponibilizar, mensalmente, a contar da quinta-feira, 1º, a importância de R$ 5 mil para cobertura dos custos, com manutenção, seja por investimento ou custeio, garantindo a plena realização das atividades, custeio de alimentação, combustível e conservação das instalações e demais dependências, bem como manutenção de viaturas e equipamentos, prestação de serviço, contratação de estagiários, aquisição de veículos, aprimoramento técnico/profissional e educacional do efetivo. Além disso, cabe também ser responsável pela reforma e ampliação da estrutura física e construção de novas estruturas, visando à descentralização dos serviços de videomonitoramento.

Futuramente, funcionários da Diretran tambéms estarão na sala de operações da Central Regional de Emergência, auxiliando no serviço de monitoramento e a Polícia Militar, por sua vez, contribuirá com a Diretran no controle de fluxo de carros e melhorando a condição dos semáforos.

Para isso, a Diretran está terminando de fazer a adequação dos semáforos. Em seguida, serão adquiridos os instrumentos para instalação na central, com sistema de rádio, operador e telefone.

As imagens servem para acompanhamento do fluxo de veículos na cidade, acompanhamento de pessoas em atitudes suspeitas, prevenção e inibição de crime, bem como constatação de flagrantes delitos e preservação da ordem pública, entre outras inúmeras utilidades.

Atualmente, a cidade de Lages possui 84 câmeras em operação, sendo o 5º município de Santa Catarina com maior número de equipamentos. E no sentido de manter e aperfeiçoar o padrão e a qualidade do serviço, foi assinado este convênio, demonstrando a importância das parcerias firmadas com outros órgãos públicos estaduais e municipais.

Ultimas Notícias Institucionais