Chapecó: PPT do 2º BPM/Fron realiza a 7ª Competição de Tiro Policial

Por: Soldado Gelciane Silva Cima, em 13/06/2018


No último sábado, 9, aconteceu no estande de tiro do 2º Batalhão de Polícia Militar/Fronteira (BPM/Fron), a 7ª Competição de Tiro Policial, em comemoração aos 183 anos da Polícia Militar de Santa Catarina e do 20º aniversário do Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT).

A prova se constituiu numa pista de tiro policial, onde foram simuladas várias situações de ocorrência em ambiente real, onde existiam pessoas de bem e criminosos armados. Os atiradores tinham que, de forma rápida e precisa, realizar uma análise de “atirar ou não atirar”, podendo efetuar dois disparos nos alvos.

Os participantes não tiveram acesso à pista antecipadamente, nem ao layout da mesma, sendo o fator surpresa parte da prova, pois se trata de uma particularidade da atividade policial.

A prova iniciava com o atirador deslocando por uma área que simulava uma floresta. Depois, tinha que deslocar por um corredor, onde encontrava janelas, tendo que, além de verificar a necessidade de tiro, efetuá-los, e cuidar com sua segurança.

Na sequência, o atirador se deparava com barricadas e tinha que tomar posições de tiro utilizando a proteção das mesmas, efetuando disparos com a mão forte e a mão fraca (obrigatório) e não podia ultrapassar a arma da linha das barricadas.

Na sequência, o atirador efetuava disparos em deslocamento atentando para a sua silhueta baixa, não podendo parar o deslocamento. Assim, chegava em uma casa onde tinha que realizar uma entrada tática, disparando apenas nos alvos atiráveis, além efetuar a varredura do ambiente.

Antes de entrar na pista policial, o atirador tinha que apresentar ao árbitro, para conferência, as munições, colete balístico, óculos e abafador. Era obrigatório o uso dos equipamentos de segurança. Os participantes poderiam utilizar revolver, calibre mínimo 38 e pistola, calibre mínimo 380.

Cada atirador tinha o direito de utilizar na pista apenas 20 munições, do calibre respectivo ao da arma. Em caso de pane, o prejuízo era do atirador.

O participante tinha um tempo mínimo para realizar a prova. Para pistola o tempo era de um minuto e 30 segundos e para revólver um minuto e 50 segundos.

A pontuação foi feita pelo total de pontos obtidos na prova, subtraídos os pontos perdidos e/ou o tempo extrapolado.

Alvos atiráveis tipo silhueta comum:

- Cabeça e circulo central menor 10 pontos;
- Círculo central maior oito pontos;
- Garrafão seis pontos;
- Restante do tronco e membros quatro pontos.

Alvos atiráveis com refém: 10 pontos para acerto em qualquer área de impacto no agressor. Obs.: Caso atinja o refém, o atirador era penalizado com 10 pontos de cada disparo.

Alvos não atiráveis: se atingidos o atirador era penalizado em 10 pontos para cada disparo.

Erros de procedimento: o atirador era penalizado em cinco pontos para cada erro de procedimento. Os erros de procedimento eram avaliados pelo árbitro, auxiliado pela equipe de apoio na pista.

A 7ª Competição de tiro policial contou com a participação de oito categorias:

- Rifle cal 22;
- Policial Livre;
- Livre RR;
- Iniciante Livre;
- Agente de Segurança Feminino;
- Agente de Segurança Masculino;
- Clube de Tiro Revólver;
- Clube de Tiro Pistola.

Cada categoria contou com premiação para o 1º, 2º e 3º lugar. Abaixo, a relação dos ganhadores por categoria:

1)Rifle cal.22 :
- 1º Lugar: Emerson Zin;
- 2º Lugar: Gilberto Batistella;
- 3º Lugar: Daniela Cestari.

2) Policial Livre:
- 1º Lugar: Ricardo Casagrande;
- 2º Lugar: Daniela Gazola Cestari;
- 3º Lugar: Ricardo José Bassi.

3) Livre RR:
- 1º Lugar: Luiz Carlos Haupenthal;
- 2º Lugar: Jonas Luiz Kraemer;
- 3º Lugar: João Carlos Paixão.

4)Iniciante Livre:
- 1º Lugar: Oberdan Tomazi;
- 2º Lugar: Sidinei Alberti;
- 3º Lugar: Claudio M. Somensi.

5) Agente de Segurança Feminino:
- 1º Lugar: Agda Remus;
- 2º Lugar: Géssica Vial;
- 3º Lugar: Iara Rolim Mattos.

6)Agente de Segurança Masculino:
- 1º Lugar: Sérgio Coito;
- 2º Lugar: Osmar de Jesus dos Santos;
- 3º Lugar: Benhur Veloso dos Santos.

7) Clube de Tiro Revólver:
- 1º Lugar :Jomar de Almeida;
- 2º Lugar: Sandro Hilário Pavan;
- 3º Lugar: Marcelo Tadeu Wrubel.

8)Clube de Tiro Pistola:
- 1º Lugar: Rodrigo Mossi;
- 2º Lugar: Francisco Bohner Neto;
- 3º Lugar: Frankly Munaro.

Durante o evento foi realizado um almoço de confraternização, onde foi feito uma costelão a moda campeira.

Ultimas Notícias Institucionais

  • Visita

    Itapoá: crianças visitam o quartel ...
    06/07/2018
  • Fronteira contra as Drogas

    Dionísio Cerqueira foi palco da form...
    06/07/2018
  • Continente

    22º BPM realiza reunião do programa...
    05/07/2018
  • 1ª Companhia

    Em Camboriú, PM realiza formatura do...
    05/07/2018
  • 25 anos

    2ª Companhia de Joinville é homenag...
    05/07/2018
  • GECt

    Guarnição Especial de Curitibanos t...
    05/07/2018
  • PMSC Mobile

    Comitiva da Polícia Militar de Tocan...
    05/07/2018
  • GECt

    Timbó Grande: PM contribui com a cam...
    04/07/2018
  • Chapecó

    2º BPM promove festa junina e o 1º ...
    04/07/2018
  • 20º BPM/Fron

    Arabutã: mais 41 alunos são certifi...
    04/07/2018