Rio do Sul: policiais militares participam do Black Trunk Race

Policiais militares do 13º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Rio do Sul participaram da corrida de obstáculos “Black Trunk Race”, realizada em comemoração aos 30 anos de aniversário do 10º BPM de Blumenau.

No último domingo, 19, duas equipes de policiais militares do 13º BPM, sendo o 1º tenente Vignola, 3º sargento Mathias, cabos Nilberto e Steinbach, soldados Mariele, Hames, Laurindo e Mafra, participaram da corrida de obstáculos nas categorias militares e agentes de segurança, conquistando as primeiras colocações.

Trata-se de uma prova que apresenta muitas dificuldades e exige bastante preparo dos atletas participantes. Contém obstáculos, geralmente ligados à geografia local da prova, em pontos estratégicos, com o objetivo de dificultar o percurso e torná-lo mais interessante. Os níveis de dificuldade dos obstáculos variam e, caso algum participante não consiga ultrapassá-los, pagará uma punição (exercícios físicos para compensar).

Tais obstáculos consistem, em síntese, em escalada de paredes, rastejo sob arames farpado, corrida entre labaredas, cruzar barreiras de água por corda ou a pé.

Na etapa de Blumenau, a “Black Trunk Race” foi dividida em dois níveis:

Nível 1 – 5km elite com 15 obstáculos

Nível 2 – 10km elite com 20 obstáculos

A equipe de atletas do 13º BPM, participou na provas de nível 1 e 2 e conquistou excelentes resultados, num universo de 1000 participantes:

1º lugar – categoria quarteto – 5 km elite – categoria militar;

1º lugar – categoria quarteto – 10 km elite – categoria militar;

Os policiais militares acima realizaram treinamento específico para tal modalidade de corrida, e, portanto, os resultados acima são o fruto de uma preparação intensa e regrada, que sobretudo, faz com que tais policiais estejam mais condicionados ao exercício de suas atividades policiais militares.

Por oportuno, registre-se, que o incentivo aos exercícios físicos proporcionam inúmeros benefícios vitais aos policiais militares, a exemplo, melhora do condicionamento físico, ou seja, com o aumento da capacidade cardiorrespiratória, a resistência muscular geral e localizada se desenvolve juntamente com a força, flexibilidade, agilidade, conseguindo com tudo isto um melhor equilíbrio corporal e coordenação motora, o que é de vital importância ao policial militar no tocante à sua saúde e qualidade de vida.

O Comando do 13º BPM tem incentivado os policiais militares à prática desportiva, ciente dos benefícios à saúde e qualidade de vida destes, sendo uma das metas do plano de comando para 2017.

(Texto e fotos: 1º tenente Vanilo Vignola, comandante da 4ªCia/13ºBPM)