Foto: Presentes e Protegendo
Foto: Polícia Militar de Santa Catarina
Responsive image
Responsive image
Notícias
Cidadão
Unidades
Boletim de Ocorrência
Denúncia
Contato

Alunos do 8º COEsp concluem módulo de Mergulho e Operações Anfíbias


Na semana passada os alunos do 8º Curso de Operações Especiais (COEsp) da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) concluíram os módulos de Mergulho (livre e autônomo), bem como de Operações Anfíbias. Além dos conhecimentos práticos e teóricos, os “futuros caveiras” também realizaram simulados de operações, que exigiram extrema perícia, controle emocional, grande capacidade de concentração e bom condicionamento físico.

Durante estas últimas instruções, os alunos foram capacitados a atuarem em biomas ribeirinhos, manguezais e áreas de vegetação litorânea, realizando exercícios de abordagens e tomadas de embarcações de pequeno, médio e grande porte. Eles também realizaram simulações de tomada de praias, portos e infiltrações subaquáticas.

Com a conclusão de mais esta etapa, o comando do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da PMSC agradece as partes envolvidas na execução das disciplinas ministradas. “Deixo aqui registrado nosso agradecimento ao tenente-coronel Luciano Mombelli da Luz, do Corpo de Bombeiros Militar, que ministrou as instruções de mergulho, e também ao tenente-coronel Celso Mlanarczyki Junior, do 27º BPM, que esteve à frente do módulo de Operações Anfíbias”, pontuou o comandante do Bope, tenente-coronel José Ivan Schelavin. “Estendo meu agradecimento também ao Porto de São Francisco, que também oportunizou as instalações para que as instruções anfíbias fossem realizadas”, completou.

O curso segue atualmente com nove alunos, que vêm cumprindo a carga horária e as disciplinas previstas para a formação do policial de Operações Especiais.

O COEsp é um evento de grande complexidade, haja vista que segue a doutrina “Comandos” e por ser responsável pela formação dos policiais que irão atuar nas demandas mais extremas no cenário da Segurança Pública.

Além das horas/aula direcionadas para disciplinas já tradicionais como Combate em Ambiente Confinado, Gerenciamento de Crises, Resgate e Retomada de Reféns, o curso também proporciona instruções que exigem alto desempenho em todos os tipos de ambiente, inclusive os aquáticos, locais onde o homem de Operações Especiais pode vir a atuar.