Foto: Lema da unidade
Foto: Foto da unidade da Polícia Militar de Santa Catarina
Notícias
Cidadão
Unidades
Boletim de Ocorrência
Denúncia
Contato

Dupla suspeita de tráfico e roubos é presa pela PM com arma e drogas


Por volta das 22h do último domingo, 9, na Linha Independência, zona rural, na divisa entre os municípios de Chapecó e Paial, a Polícia Militar (PM), em verificação de suspeitos da prática de crimes em Chapecó, prendeu dois homens, de 29 anos, por suspeita de tráfico e porte ilegal de arma de fogo. No local foi apreendida uma arma de fogo, munições, maconha, haxixe e quase R$ 8 mil em espécie. Os acusados não souberam explicar a procedência do dinheiro.

Tudo começou quando a Agência de Inteligência, há algumas semanas, levantou informações de que alguns homens, que estavam em prisão de albergue sem recolhimento, estariam rodando com um veículo e cometendo crimes na região. O carro foi visto indo para o município de Paial. As informações foram verificadas pela Inteligência e, quando o veículo foi localizado em uma casa, guarnições do Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT) e Pós-Crime do 2º Batalhão de Polícia Militar de Fronteira (2ºBPM/Fron) deslocaram ao local.

Na casa, um homem de 29 anos recebeu os policiais, negou qualquer envolvimento com crimes e inclusive disse que poderiam verificar a casa. No local estavam a esposa, o filho e também outro homem de 29 anos, que no momento da chegada das guarnições, estava no banheiro. Como os policiais estavam em maior número, cercaram o local e não houve tentativa de reação. Nada de ilegal foi localizado na residência, porém, em buscas nos arredores da casa foi localizada uma sacola, embaixo da janela do banheiro, provavelmente jogada pelo homem que estava lá na hora da abordagem. Na sacola havia uma pistola marca Taurus, calibre 380, sem registro, com três carregadores contendo 24 munições, 50 gramas de maconha, seis gramas de haxixe e quase 8 mil reais em dinheiro, que não souberam explicar uma origem lícita.

Ao serem questionados sobre a sacola, o homem que estava no banheiro assumiu a propriedade dos objetos localizados. O Canil também foi acionado e fez mais buscas, porém, nada mais foi encontrado. Como havia suspeita dos objetos pertencerem aos dois, ambos foram entregues na Central de Plantão Policial (CPP) de Chapecó, para os procedimentos cabíveis. Ambos ficaram presos e aguardam audiência de custódia.

Quanto ao histórico policial dos presos, ambos estavam em prisão de albergue sem recolhimento e possuem registros de mau comportamento na prisão; o primeiro homem que recebeu os policiais tem histórico policial por receptação, tentativa de homicídio, lesão corporal, posse de drogas, roubo e ameaça. Já o homem que estava no banheiro e assumiu a propriedade da sacola, tem histórico de cumprimento de pena por homicídio e passagem por posse ilegal de arma de fogo.