Foto: Lema da unidade
Foto: Foto da unidade da Polícia Militar de Santa Catarina
Notícias
Cidadão
Unidades
Boletim de Ocorrência
Denúncia
Contato

PM prende suspeitos de homicídio em Abelardo Luz


Por volta das 15h de terça-feira, 10, na rua Egídio João Guerra, Alvorada, Abelardo Luz, a Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), em abordagem veicular, prendeu três homens. Um de 27 e outro de 37 anos eram procurados pela Justiça, a qual havia acabado de expedir mandados de prisão temporária por um homicídio ocorrido no último domingo, 8, naquela cidade.

Na mesma abordagem, o motorista do carro, um homem de 44 anos, também foi preso por porte ilegal de arma de fogo. Ele carregava no veículo uma pistola calibre .380, carregada com 19 munições. Além de não possuir autorização para porte de arma, o registro estava vencido desde 2019. A arma apreendida não tem relação com a ocorrência do homicídio, apenas estava com o motorista no momento da abordagem. 

A ocorrência iniciou quando a PM local recebeu informações de que os mandados de prisão pelo crime do final de semana haviam sido expedidos e que os acusado teria sido visto em um veículo de cor preta. Imediatamente uma guarnição iniciou buscas nas proximidades da residência de um dos acusados, momento em que foi vista uma camionete de cor preta, com placas de Chapecó, com quatro ocupantes em seu interior.

Antes mesmo da abordagem já foi possível identificar que um dos procurados estava no interior do veículo. Quando o carro parou e os ocupantes saíram, o outro procurado também foi identificado e ambos foram presos. O motorista ao ser questionado, relatou que estava lavando os dois para se apresentarem na delegacia.

Foi realizada uma busca no veículo, sendo localizada a pistola no console central do carro, entre os bancos da frente. O quarto ocupante do veículo era um homem de 28 anos, sem débito com a Justiça, sendo cadastrado como testemunha dos fatos.

Os dois homens com mandado de prisão por homicídio qualificado foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Abelardo Luz para os procedimentos cabíveis. Os acusados do homicídio, já com histórico policial anterior, estão no presídio de Xanxerê, já o motorista preso com a arma de fogo foi liberado após pagar fiança na delegacia.