Foto: Lema da unidade
Foto: Foto da unidade da Polícia Militar de Santa Catarina
Notícias
Cidadão
Unidades
Boletim de Ocorrência
Denúncia
Contato

PMSC recebe, definitivamente, robô antibomba da Senasp


O robô antibomba Teodor, que vinha sendo utilizado pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), foi doado definitivamente à Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) no início da tarde desta terça-feira, 14, em Florianópolis. O ato oficial de entrega do equipamento aconteceu no Quartel do Comando-Geral (QCG).

O termo de doação foi assinado na presença do secretário nacional de Segurança Pública interino, coronel Freibergue Rubem do Nascimento, do diretor da Força Nacional de Segurança Pública, coronel Antonio Aginaldo de Oliveira, da governadora em exercício do Estado de Santa Catarina, Daniela Cristina Reinehr, e do presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública e Perícia Oficial de Santa Catarina, delegado Paulo Koerich, além do comandante-geral da PMSC, coronel Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior, e de demais integrantes do colegiado.

“Receber os senhores aqui, hoje, é um momento de muita alegria, para mais esse importante ato. Estivemos há pouco tempo lá em Brasília e agora, felizmente, entregamos, definitivamente, esse importante equipamento à PMSC”, agradeceu a governadora em exercício, ao fazer uso da palavra.

“Alguns policiais que trabalham comigo me contaram que antigamente eram utilizados apenas escudo balístico e uma pá para se aproximar de supostos artefatos explosivos. Hoje, com a tecnologia e os novos recursos, não precisamos mais correr riscos desnecessários. Com o robô, preservamos a vida do policial e das demais pessoas envolvidas nas ações, que muitas vezes se colocam em risco no atendimento de determinadas ocorrências”, destacou Daniela Reinehr, que já foi policial militar.

“Enfim, vivemos um momento único. Digo isso porque contamos com pessoas comprometidas a fazer o que precisa ser feito. E, da mesma forma, estaremos sempre à disposição da Senasp”, finalizou a governadora, ao agradecer a doação e a forma com que foi recebida junto à cúpula da Secretaria Nacional de Segurança Pública, em Brasília.

O equipamento, que pode ser controlado remotamente, a até um quilômetro de distância do local da intervenção, foi adquirido pelo Governo Federal e cedido à PMSC por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp). Ele é equipado com câmeras de alta definição, capazes de identificar e manusear objetos estranhos com segurança e nas mais diversas situações.

Caso as equipes do Bope detectem algo suspeito, poderão utilizar o robô para acessar o perímetro de risco. O equipamento também pode ser utilizado em outras situações, como casos envolvendo armas químicas, biológicas ou durante a negociação com alguém que porte uma arma de fogo.

“É um equipamento de ponta, que custa mais de R$ 1 milhão e eleva o padrão de segurança das nossas equipes, no atendimento de ocorrências envolvendo explosivos. Penso que a doação represente uma contrapartida, e também mais um incentivo, frente ao nosso empenho e aos indicadores de criminalidade do nosso Estado”, comentou o comandante-geral da PMSC, coronel Araújo Gomes.

Ao falar sobre o novo modelo de gestão da Segurança Pública no Estado, o atual presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública, delegado Paulo Koerich, apontou a integração como fator fundamental para os bons resultados.

“O colegiado é uma forma inovadora. Ele permite que estejamos reunidos semanalmente, onde avaliamos os indicadores e planejamos ações. Tudo em conjunto, com o propósito de melhorar cada vez mais os índices e as necessidades de cada região”, assegurou.

“Nossa maior conquista foi o fortalecimento das instituições e o respeito da autonomia que elas possuem. E, com isso, conseguimos avanços históricos como resultados. Neste período, a criminalidade caiu, o medo diminuiu e a confiança nas forças de segurança pública cresceu, fazendo da segurança um motivo de orgulho e fator de atratividade econômica para o Estado”, completou o coronel Araújo Gomes.

“Santa Catarina liderando mais uma vez! É muito gratificante perceber que o Estado segue na vanguarda, em todos os aspectos da segurança pública. Estamos vendo aqui um verdadeiro fenômeno social e também político, até porque esse modelo vem de encontro ao que a sociedade espera: que todos os órgãos trabalhem em conjunto. E isso é o que constatamos por aqui!”, elogiou o secretário nacional de Segurança Pública interino, coronel Freibergue Rubem do Nascimento.

“Que a transferência desse robô simbolize a primeira de outras ações e doações que certamente acontecerão. Contem conosco e sucesso nas missões!”, finalizou o coronel.

GALERIA DE IMAGENS (clique aqui e confira)

Fotos: 1º sargento RR Aurélio de Oliveira/CCS e soldado Rodrigo Nercolini Malinverni/CCS