Foto: Lema da unidade
Foto: Foto da unidade da Polícia Militar de Santa Catarina
Notícias
Cidadão
Unidades
Boletim de Ocorrência
Denúncia
Bem-Te-Vi

Protetores ambientais fazem plantio de árvores no quartel do Bope


Os alunos do curso Protetor Ambiental (Proa) visitaram nessa quinta-feira (28) o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) para realizar um plantio de árvores na área do quartel da unidade, em São José. As crianças e adolescentes foram recepcionados pelo comandante do batalhão, tenente-coronel Lucius Paulo de Carvalho.

Durante toda a tarde, os alunos puderam conhecer um pouco das atividades, história e missões executadas pelo Bope em Santa Catarina. Também tiveram a oportunidade de tirar dúvidas com o atirador de elite (Sniper), ver o funcionamento do robô anti-bombas e visitar as estruturas do quartel para treinamento dos policiais.

No fim das atividades, os policiais militares e os adolescentes fizeram o plantio de diversas árvores, reunindo o conhecimento adquirido em sala com a atividade prática na defesa do meio-ambiente. Para o tenente-coronel Lucius, a integração de projetos sociais com a Polícia Militar é extremamente importante: “a vinda dessas crianças e adolescentes melhora a energia do nosso ambiente de trabalho. Hoje essa atividade de reflorestamento proporcionou um dia de aprendizado para o Bope”.

Os vinte alunos estão realizando o Proa no 1º Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) e devem encerrar as aulas em dezembro de 2021. Pela manhã, as crianças visitaram a unidade do Canil Central e Cavalaria da PMSC, também em São José.

O programa Protetor Ambiental nasceu em 1999, com o propósito de contribuir na prevenção primária das agressões humanas ao meio ambiente e a reprodução de comportamentos adequados à preservação da vida em todas as suas nuances. O Proa visa disseminar conhecimentos aos adolescentes na faixa etária entre 12 e 14 anos, por meio de atividades teóricas e práticas desenvolvidas e coordenadas por policiais militares da Polícia Militar Ambiental.

Fotos: 3º sargento RR Paulo Henrique Santana/CCS